Globalization, structural change and productivity growth

Nessa segunda-feira, 28/01, foi colocada em pauta a questão da mudança estrutural como fonte de crescimento econômico através do artigo Globalization, structural change and productivity growth, dos autores Margaret McMillan e Dani Rodrik.

Adam Smith já dizia que o segredo da riqueza das nações é a produtividade do trabalho. Isso acontece na medida em que menos mão de obra é necessária para produzir determinado nível de produção. Portanto, quanto mais desenvolvido for um país, mais produtiva será sua mão de obra e vice versa.

Além disso, há de se considerar que o processo de desenvolvimento econômico é a soma de crescimento econômico e mudanças estruturais. O crescimento pode ser estimulado através da introdução de novas tecnologias na produção, mas isso pode ser caro e demorado, o que pode comprometer ainda mais o processo de inserção de alguns países no caminho do progresso econômico. A saída seria, portanto, uma maior atenção para os setores mais produtivos na economia, estimulando a migração da mão de obra de setores menos produtivos para setores mais de ponta. Isso caracteriza a mudança estrutural.

A mudança estrutural poderia ser útil para os países menos desenvolvidos pois, além de ser mais barata e menos relacionada com a incerteza, vai rompendo com as vantagens comparativas dos países em produtos primários, e quando inseridos em um mercado global, eles poderiam ser competitivos também em setores de ponta. E mais, no longo prazo, a produtividade da economia convergiria para tal nível mais elevado, o que viabilizaria o processo de crescimento.

Em seguida, o artigo compara o processo de desenvolvimento dos países e a mudança estrutural ocorrida neles. É de se observar que regiões voltadas para setores mais tecnológicos, como a Ásia, mostraram crescimento vigoroso, além de que grande parte desse crescimento esteja relacionado com a mudança estrutural. Já na outra ponta, temos a àfrica e América Latina, que se voltaram para setores mais primários, e possivelmente, isso tenha sido a causa de um crescimento mais baixo ao longo do tempo.

Apresentador: Thiago Oliveira

Globalization, structural change and productivity growth – Thiago Oliveira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s