Por que tão caro, Big Mac?

Na sexta-feira, 22 de fevereiro, aconteceu mais uma reunião de conjuntura do grupo PET economia. Essa tinha como título “Por que tão caro, Big Mac?” e tratava do índice feito pela revista The Economist que compara os preços do sanduíche em vários países. Esse índice, que não foi feito com o intuito de ser científico ou mesmo preciso, é uma forma interessante de refletir sobre a teoria da Paridade do Poder de Compra e a Lei dos Preços Únicos, fundamental para essa teoria.

Foram discutidos o interesse e as limitações tanto da teoria como do índice Big Mac, antecipando alguns pontos que seriam tratados na segunda-feira seguinte na reunião de periódico de Nicolas Powidayko que trataria do artigo de Kenneth Rogoff (1996) que aborda o enigma da Paridade do Poder de Compra. Os presentes na reunião chegaram ao consenso de que por mais interessante que seja o índice, a sua utilização para avaliar a situação do câmbio de um país é de certa forma limitada.

Além disso, foi apresentado também o relatório liberado pelo HSBC inglês que revela um ranking dos países que mais intervém na taxa de câmbio. Tal relatório coloca o Brasil em quarto lugar entre os mais interventores, o que, na realidade, representa uma redução, dado que no ano anterior o país estava na segunda posição. Um dos motivos apontados pelo HSBC para a redução no intervencionismo no Brasil seria o esgotamento da capacidade de desvalorizar o câmbio, dado que isso poderia causar um aumento da inflação, cujas previsões para esse ano já se aproximam do topo da meta. Ainda assim, tanto o relatório do HSBC como o índice Big Mac apontam uma sobrevalorização da moeda brasileira.

Relação entre Câmbio, PPC e o índice Big Mac:

PPP x Câmbio

Relatório do HSBC sobre guerra câmbial

Por que tão caro Big Mac? – Gustavo Coelho e Mateus Costa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s