PET-Economia no 12th Carroll Round

Nas últimas duas semanas eu me ausentei da UnB e das atividades do PET-Economia para participar da 12a edição da Carroll Round, uma conferência de Economia Internacional voltada exclusivamente para estudantes de graduação organizada pela Universidade Georgetown.

Nessa ocasião apresentei uma versão traduzida da minha monografia do PET, “Purchasing Power Parity and the Brazilian Exchange Rate: Linear Evidences from Univariate Time Series”, ou em português “Paridade do Poder de Compra e a Taxa de Câmbio Brasileira: Evidências Lineares de Séries de Tempo Univariadas”. Utilizando dados mensais de 1944 à 2012 entre o Brasil e os EUA, meu trabalho avaliou por meio de testes de raiz unitária, cointegração de Engle-Granger e os teste de posto e máximo autovalor de Johansen se a Paridade do Poder de Compra poderia ser corroborada para o Brasil. Os testes foram conduzidos com índices baseados tanto em preços ao produtor (IPA) como em preços ao consumidor (IPC) e realizados para quatro subamostras e para a amostra toda.

Em linhas gerais, pude validar a PPP para o Brasil utilizando preços ao produtor para todas as subamostras e para a amostra completa e a rejeitei para as subamostras quando utilizado preços ao consumidor. Estes resultados estão em consonância com a literatura. No entanto, diferentemente dos trabalhos que me precederam, eu consegui validar a PPP utilizando preços ao consumidor para a amostra completa, com quase sete décadas de dados. Este segundo resultado vai ao encontro do clássico artigo de Rogoff (1996) – apresentado no PET-Economia no final de fevereiro por mim -, segundo o qual a PPP deve ser entendida somente como uma âncora de longo-prazo. Meu trabalho foi orientado pelo Prof. Maurício de Paula Pinto e se beneficiou de comentários e sugestões das Professoras Geovana Bertussi e Maria Eduarda Tannuri-Pianto.
Carroll Round
Eu tive conhecimento desta conferência em julho do ano passado, quando conversava com alguns colegas que conheci durante o curso que fiz na London School of Economics sobre oportunidades de pesquisa ainda durante a graduação. Confesso que não criei muitas expectativas quando notei que os estudantes que participaram da conferências nas edições anteriores vinham de instituições como Harvard, Yale, Columbia, Princeton, UPenn, LSE, Warwick, etc., mas mesmo assim enviei minha application no final de janeiro. No ato de envio não é necessário enviar o trabalho completo, somente seu currículo vitae e um abstract e/ou introdução do trabalho. Pois bem, em meados de fevereiro recebi um email pedindo atualizações e no início de março, após o envio do trabalho completo, recebi o convite para participar na conferência. Soube depois que o Steering Committee recebeu cerca de 110 inscrições para as 20 vagas (outros 10 estudantes de Georgetown também participam, totalizando cerca de 30 participantes). A partir de então corri para renovar meu visto de turista, comprar as passagens e tudo mais!

O Carroll Round almeja trazer aos estudantes de graduação um pouco da realidade de uma grande conferência acadêmica. Os trabalhos são divididos em diversas seções, sendo que 2 ou 3 ocorrem simultaneamente. Cabe a cada participante, portanto, escolher qual seção ele irá assistir, baseando-se em sua afinidade com os trabalhos que serão apresentados em cada determinada seção. Cada seção é presidida por um Prof. da Universidade Georgetown e geralmente conta com 3 a 5 apresentações de artigos. O autor possui 25 minutos para a apresentação do trabalho, que é sucedida por uma exposição oral de 5 minutos por parte de outro participante, que realiza comentários, elogios, críticas e sugestões acerca do trabalho apresentado. Este é um ponto interessante, pois além de apresentar seu trabalho, cada participante deve discutir um trabalho de outro participante que a ele é designado pelo Steering Committee. Por fim, há 10 minutos para uma discussão e/ou perguntas da platéia (outros participantes da conferência e estudantes de Georgetown).

Carroll Round (01)

Cabe salientar que em suas primeiras edições somente trabalhos na área de Economia Internacional eram apresentados, tradição que foi gradualmente mudando ao longo do tempo. Hoje em dia são apresentados artigos de outras áreas, desde teoria das finanças e sistema de leilões a trabalhos que mensuram externalidades de programas educacionais.

Pois bem. O evento começou na quinta-feira dia 18/04 com o credencimento e um jantar entre os membros do Steering Committee e os participantes. As apresentações de trabalhos começaram na terça-feira de manhã que forma sucedidas por um almoço em grupo em um restaurante tailandês. De tarde tomamos um café com o Decano da Universidade Georgetown e de lá seguimos para o hotel cinco estrelas Four Seasons para um jantar de gala seguido de uma palestra com o Prof. John Taylor, da Universidade Stanford.

Vice-Secretário do Tesouro dos EUA no início dos anos 2000, o Prof. Taylor é o famoso macroeconomista criador da Regra de Taylor, sistema de equações utilizada pelos Bancos Centrais de todo o mundo para determinar o nível ótimo da taxa de juros dado um vetor de outras variáveis econômicas. Com certeza será laureado com um Prêmio Nobel nos próximos 1o, 15 anos. Na palestra o Prof. Taylor apresentou o seu novo livro – todos ganhamos uma cópia autografada! -, “First Principles: Five Keys to Restoring America’s Prosperity”, argumentando que a prosperidade econômica dos EUA vem declinando à medida que o país se afasta de princípios de liberdade econômica.

Carroll Round (12)
Os palestrantes da Carroll Round são historicamente acadêmicos bem destacados, incluindo os ganhadores do Prêmio Nobel John Nash, Joseph Stiglitz, Robert Merton, Thomas Schelling e Eric Maskin bem como os vencedores da medalha Bates Clark Jonathan Levin e Susan Athey. Outros palestrantes passados incluem os Professores Baghwati, William Easterly e Maurice Obstfeld.

No sábado tivemos seções pela manhã e pela tarde. De tardezinha a Prof. Janet M. Currie, da Universidade Princeton, nos prestigiou com uma segunda palestra. De noite o Steering Committee nos levou para jogar boliche e posteriormente para uma after-party. Um café da manhã de encerramento foi servido no domingo pela manhã.

Ficamos hospedados no Georgetown University Hotel & Conference Center, dentro do campus (Sim, a universidade tem um hotel no campus). Todas as refeições e hospedagem estavam incluídas na taxa de inscrição de $145. Particularmente, eu não gastei nenhum centavo durante os dias da conferência. Quanto às passagens aéreas, há a possibilidade de Georgetown nos reembolsar no final do seu ano letivo (junho) caso hajam fundos. Não é garantido.

De modo geral, eu recomendo a participação em edições futuras da Carroll Round para todos aqueles que estão envolvidos em pesquisa durante a graduação e possuem fluência no inglês falado e, principalmente, no escrito. Além da experiência acadêmica de participar de uma conferência no exterior, apresentando e debatendo trabalhos e deste modo aplicando na prática os conhecimentos de sala de aula, cabe ressaltar que o networking é fantástico. Conheci dezenas de estudantes que assim como eu estão em dúvida entre qual caminho seguir daqui para frente. Além disso, a maioria é senior e estão seguindo para programas de mestrado ou Ph.D ou então para cargos na iniciativa privada. Por outro lado, os alumnis do Carroll Round são um grupo bem ativo, sendo que diversos estavam presentes na conferência e hoje ocupam lugares no FMI, Banco Mundial, empresas de consultoria, e em programas de Ph.D. Os alumni nos deram dicas valiosas e nos ajudaram a esclarecer o que temos para frente.

Recomendado! Uma experiência maravilhosa. Definitivamente vale a pena.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s