A Ascenção do Sul: Progresso Humano num Mundo Diversificado

A conjuntura do dia 17 de maio apresentou o relatório Relatório do Desenvolvimento Humano de 2013, divulgado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento.

O século XXI tem sido palco de uma profunda mudança na dinâmica mundial, impulsionada pelas novas potências em rápido crescimento dos países em desenvolvimento. A China ultrapassou o Japão como segunda maior economia do mundo, retirando da pobreza centenas de milhões de pessoas. A Índia reformula hoje o seu futuro graças a uma
nova criatividade empresarial e à inovação da sua política social. O Brasil eleva os seus padrões de vida através da expansão das suas relações internacionais e de programas
de combate à pobreza, copiados em todo o mundo.

Contudo, a “Ascensão do Sul” é um fenômeno muito mais amplo. A Indonésia, o México, a África do Sul, a Tailândia, a Turquia e outros países em desenvolvimento passam a assumir um papel de protagonistas no cenário mundial. O Relatório do Desenvolvimento Humano de 2013 identifica mais de 40 países em desenvolvimento que, nas últimas décadas, apresentaram resultados mais positivos do que o esperado em matéria de desenvolvimento humano, tendo acelerado de forma notória o seu progresso ao longo dos últimos dez anos.

Cada um destes países possui a sua história única e escolheu o seu caminho próprio e distinto para o desenvolvimento. No entanto, partilham características importantes e enfrentam um bom número de desafios comuns. Estão também progressivamente mais interligados e interdependentes. As populações de todo o mundo em desenvolvimento exigem, cada vez mais, ser ouvidas, partilhando ideias através dos novos canais de comunicação e procurando uma maior responsabilização dos governos e das instituições internacionais.

O Relatório do Desenvolvimento Humano de 2013 analisa as causas e consequências da contínua “Ascensão do Sul” e identifica políticas enraizadas nesta nova realidade, que possam promover um maior progresso em todo o mundo nas próximas décadas. O relatório exorta a uma representação muito mais significativa do Sul nos sistemas de governança global e indica possíveis novas fontes de financiamento para os bens públicos essenciais
no seio do Sul. Apresentando novas perspetivas de análise e propostas claras para reformas políticas, o Relatório aponta um caminho que permitiria aos indivíduos de todas as regiões enfrentarem, em conjunto e de forma justa e eficaz, os desafios comuns suscitados pelo
desenvolvimento humano.

Apresentadores: Nicolas Powidayko e Regina Couto

A Ascensão do Sul – Regina Couto e Nicolas Powidayko

Relatório do Desenvolvimento Humano 2013 – Português

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s