Expansão Russa e a reação do Ocidente

No dia 25 de abril, foi apresentada uma reunião de conjuntura inspirada em uma recente publicação da The Economist, discutindo a atual situação da Rússia e Ucrânia usando a teoria dos jogos.

Partindo de uma análise dos conceitos básicos de teoria dos jogos e indução retroativa, os apresentadores contemplam as possibilidades de reações ocidentes ao avanço russo na ucrânia e talvez até mesmo na Estônia. A Rússia defende que a tomou o território da Crimea e invadiu a Ucrânia em defesa aos cidadãos da região que se identificam como russos, além de que a região, historicamente, já havia sido território russo. Todavia se essas são as verdadeiras intenções de Vladmir Putin, ainda é incerto.

O conflito armado implica em um desconforto gigantesco para a OTAN, todavia permitir que a Rússia continue sua progressão armada poderia significar um dispêndio maior ainda. Tudo depende das verdadeiras intenções russas com a Ucrânia. Percebemos por indução retroativa que se a Rússia não tiver omitido suas intenções e realmente cessar seu avanço na Ucrânia, a situação da OTAN seria mais confortável do que instigar uma guerra, na melhor das possiblidades, com armas convencionais.

 Apresentado por: Iúri Honda e João Diogo Brites

A expansão russa e a reação do Ocidente – Iúri Honda e João Diogo Brites

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s